Espaço do Associado: Aromáticas Vivas

Espaço do Associado: Aromáticas Vivas

No Espaço do Associado desta semana Olga Pinto traz a entrevista com os responsáveis da empresa Aromáticas Vivas. Criada em criada em 2009, possui 2 hectares dedicados à produção de ervas aromáticas em vaso, em modo biológico.

Quando surgiu a empresa Aromáticas Vivas?
A empresa foi fundada em meados de 2009 e resultou de uma aliança estratégica inicialmente com três parceiros, e mais tarde alargada a um quarto parceiro, tendo em conta atingir os potenciais mercados de Espanha. Estes parceiros aliaram a sua experiência em setores diversos para conseguir uma empresa sólida, inovadora e detentora da mais alta qualidade na produção de ervas aromáticas.

Os “mentores” deste projeto são, mesmo, da área de Viana do Castelo? 
O projeto resultou de uma parceria estratégica que reuniu parceiros de Viana do Castelo, Suécia e Espanha, tendo por objetivo produzir e vender ervas aromáticas para todo o mercado ibérico e ainda a produção de insetos auxiliares para a produção agrícola biológica, os quais exporta para 5 países europeus: Espanha, Inglaterra, Polónia, República Checa e Suécia.

O que os motivou a criar este tipo de empresa, no concelho de Viana do Castelo?
As condições ideais do clima da costa atlântica de Viana do Castelo e a existência de mão de obra qualificada com tradição na produção horto-floricola nas veigas de Carreço, Areosa e Afife foram fatores determinantes para a fixação da empresa em Viana do Castelo, bem como a sua ampliação da capacidade de produção em curso.

Qual o conceito do negócio? E que tipo de caracterísicas tem? Que tipo de serviços tem para oferecer?
A Aromáticas Vivas tem por Visão ser empresa pioneira na produção de ervas aromáticas em vaso, ser lider, e o mais inovador produtor e comercializador de ervas aromáticas frescas em Portugal e Espanha. Conta na sua Missão uma preocupação permanente para espalhar alegria com sabores e aromas frescos, ao longo de todo o ano. Para tal realiza um trabalho continuado de investigação e apuramento de variedades ao gosto dos consumidores, e aceitando desafios dos seus clientes e criadores da cozinha tradicional ou da nova cozinha internacional.
A empresa oferece uma vasta gama de produtos frescos, produzindo regularmente mais de duas dezenas de variedades, com diferentes formas de apresentação e embalagem. Para que esses produtos cheguem aos consumidores nas mais exigentes condições de qualidade e frescura. A empresa labora 7 dias na semana, sem interrupção.

Quais as expetativas enquanto empresário, para este negócio, nesta zona?
A empresa tem vindo a fazer uma forte aposta nos mercados ibéricos e prepara a sua expansão para outros mercados do centro e norte da europa. Facto que obrigou a iniciar um processo de ampliação da sua capacidade produtiva, e a aumentar o número de Colaboradores em cerca de 25%.

Quais as expectativas de se ter tornado sócio da AEVC?
A empresa presentemente já é sócio da AEVC, sendo o objetivo principal conhecer a realidade empresarial da região e possíveis parcerias.

 

2fc830bc-f43c-4c6c-886f-0adcd1882818 5dd9e4ef-c5a2-4170-9202-2c73d0f9228f 34d5d18f-f0bc-4396-b3d8-c2fdcd011b56

 

Seja Associado!