AEVC nos Órgãos Sociais da CCP

AEVC nos Órgãos Sociais da CCP

Em cerimónia ontem realizada, no Salão Macau da Fundação Oriente, tomaram posse os novos Órgãos Sociais da CCP- Confederação do Comércio e Serviços de Portugal para o quadriénio 2022-2025. Manuel Lima da Cunha Júnior, Presidente da AEVC, integra, como Membro do Conselho Fiscal, o elenco encabeçada pelo anterior e novo Presidente da Direção, Eng. João Vieira Lopes.

A valorização dos sectores do comércio e serviços num contexto de crise económica e energética na Europa é um dos desafios para os próximos quatro anos assumidos pelo Presidente da Confederação do Comércio e Serviços de Portugal (CCP).

Este mandato, agora iniciado, tem como grandes objectivos:
• Afirmar o papel dos serviços na construção de um modelo económico centrado no valor acrescentado.
• Aproveitar as potencialidades dos fundos europeus para acelerar a digitalização das empresas.
• Dinamizar o comércio como sector importante na cadeia de valor da economia portuguesa.

A CCP vai desenvolver a sua intervenção em torno de 6 grandes eixos:
1. Valorização da concertação social em particular num projecto de Pacto Social para o Crescimento.
2. O reforço da competitividade das empresas através de um enquadramento fiscal mais favorável e de um mercado de trabalho que promova as empresas, e mais e melhor emprego.
3. A dinamização dos sectores do comércio e serviços no contexto do Portugal pós pandemia e no quadro dos novos desafios abertos pela situação de guerra na Europa.
4. Potenciar o papel do comércio e serviços na dinamização do território e na captação de não residentes.
5. A qualificação de activos e empresários do sector e a promoção de projectos estruturantes ao nível das micro e PME.
6. Implementação dos novos estatutos e orgânica da CCP, que vão ao encontro das exigências atuais da economia portuguesa. Dinamização de acções aglutinadoras do movimento associativo empresarial, em particular consolidação do Conselho Nacional das Confederações Patronais (CNCP).

Os novos Corpos Sociais resultam de uma atualização dos estatutos da CCP, que integram de forma equilibrada o Comércio Local, o Comércio Sectorial, os Serviços aos Consumidores e os Serviços às Empresas.

A CCP-Confederação do Comércio e Serviços de Portugal é uma das principais confederações empresariais do país, representando mais de uma centena de entidades associativas e empresariais do sector terciário, que congregam mais de 200 mil empresários independentes, PME e grandes empresas. Estas empresas são responsáveis por mais de 1,8 milhões de postos de trabalho.

 

Seja Associado!