EMPRESÁRIOS DE VIANA VÃO ACOLHER E DAR EMPREGO A REFUGIADOS UCRANIANOS

EMPRESÁRIOS DE VIANA VÃO ACOLHER E DAR EMPREGO A REFUGIADOS UCRANIANOS
Em reunião do Conselho Empresarial Estratégico de Viana do Castelo foi criada uma rede com mais de três dezenas de empresas instaladas no concelho para “agilizar” a recolha de bens essenciais, alojamento e emprego para os refugiados Ucranianos .Foi criado um endereço eletrónico e uma linha telefónica para facilitar a comunicação e agilizar a ajuda.
 
Planeada a recolha dos bens identificados pelo consulado da Ucrânia, no Porto, centralizados os produtos no centro logístico criado na cidade, no pavilhão da ex-AIMinho, procede-se ao seu envio para os países vizinhos da Ucrânia que estão a acolher os refugiados.
 
Estão elencadas as necessidades mais prementes: medicamentos e outros produtos farmacêuticos, material médico e ortopedia, roupa e sapatos para mulheres e crianças, produtos de higiene para bebés, materiais tecnológicos e equipamentos de comunicações.
É grande a disponibilidade dos Empresários na integração plena e verdadeira de homens, mulheres e crianças em Viana do Castelo, através de emprego e alojamento.
 
O ensino da língua portuguesa e a realização de ações de formação profissional foram outras das necessidades identificadas no encontro com o tecido empresarial da região.
 
Para além do Município de Viana do Castelo e da Associação Empresarial de Viana do Castelo integram este Conselho a APDL – Administração dos Portos do Douro, Leixões e Viana do Castelo; a ERTPN- Entidade Regional de Turismo Porto e Norte de Portugal e a Comunidade Portuária de Viana do Castelo.
 
A Comunidade Empresarial está representada por vinte e quatro empresas de muitos diversos sectores:
mar; energia; metalomecânica; automóvel; infraestruturas; madeiras/papel; tecnológico; turismo; arquitectura/engenharia; construção; alimentar; consultoria.
 
Foto: Joca Fotógrafos
Seja Associado!